Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Novamente Geografando

Este blog organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

Novamente Geografando

Este blog organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

JANELA INTELIGENTE DESENVOLVIDA NA UNIVERSIDADE DO MINHO OLHA PARA NORTE DA EUROPA

Mäyjo, 06.04.15

Janela inteligente desenvolvida na Universidade do Minho olha para Norte da Europa (com VÍDEO)

A Universidade do Minho está a desenvolver uma janela inteligente que reduz o consumo energético dos edifícios em 20% e, paralelamente, transforma os aquecedores eléctricos e ares-condicionados em equipamentos obsoletos.

O projecto está a ser trabalhado no Centro Algoritmi, na Universidade do Minho. “A grande vantagem do sistema é, por um lado, a poupança de energia relativamente a uma janela semelhante. Por outro lado, [podemos] maximizar a ventilação, ou seja, tentar aproveitar ar novo, e com mais oxigénio, e permitir que esse ar entre dentro do edifício, quarto ou sala”, explicou ao Economia Verde José Mendes, responsável pelo projectoClimawin.

O responsável admite que o sistema é complexo, uma vez que ele terá de ser autónomo. “A única fonte de energia é um painel solar, que tem de ser capaz de subir e descer estores, ou abrir as válvulas para deixar passar o ar, alimentar toda a electrónica, uma vez que a janela tem sensores de temperatura que mede a humidade, temperatura no interior e exterior”, continuou José Mendes.

Este é o ponto crítico do projecto, e o que tem, na verdade, atrasado a sua introdução no mercado. Ainda assim, as primeiras encomendas já começaram a chegar. José Mendes diz que o preço da janela será competitivo, e que esta se pagará em três anos.

“Trocar uma janela tradicional por esta traz um acréscimo de custos, por causa da electrónica ou das válvulas. Mas em três anos recuperamos o dinheiro”, continuou. Estes níveis de poupança podem ser medidos online.

O projeto conta ainda com fabricantes da Dinamarca, Alemanha, Irlanda. A janela estará muito em breve no mercado, prevendo-se que seja sobretudo bem-vinda para os consumidores do Norte da Europa.

Foto:  Mr Conguito / Creative Commons